Entenda a importância do desenho animado na formação infantil

Quem é mãe coruja sabe o quanto é importante e satisfatório ver um sorriso de alegria no rosto dos filhos, não é verdade?

Quando as crianças estão na primeira infância, existe a preocupação de como esclarecer algumas conjunturas do mundo de forma lúdica e preocupando-se com a educação, saúde e diversão dos pequenos. Por isso, é sempre interessante procurar formas de ajudar no desenvolvimento deles.

Muitos desenhos, normalmente, utilizam uma linguagem mais propícia para o público infantil e são relevantes para proporcionar o conhecimento de que as crianças precisarão para lidar com as mais diversas situações cotidianas e perceber o que acontece ao redor.

Você tem noção da importância do desenho animado na formação dos seus filhos? Acompanhe o post e entenda mais sobre o assunto!

De qual forma os desenhos influenciam no comportamento?

Durante a infância, são construídas as características básicas da personalidade de todos os seres humanos. É nesse período que se descobrem os nomes dos objetos, animais, cores, etc. Tudo vai fazendo sentido aos poucos, e, como em um passe de mágica, o conhecimento vai se ampliando de forma natural.

O ambiente em que as crianças estão inseridas fará toda a diferença para o crescimento pessoal, e aquilo a que assistem, tendo em vista o imenso número de programas que existem na TV, pode ser agregador de valores para toda a vida.

Os desenhos animados infantis têm o intuito não apenas de entreter as crianças e fazer com que elas fiquem comportadas, mas desenvolver os lados emocional e intelectual e influenciar no comportamento delas.

Conforme seus filhos vão gostando de um desenho, criam uma identidade com um personagem ao ponto de querer imitá-lo, se vestir igual a ele, e cabe à família visualizar quais são os programas infantis que estão servido de exemplo para os pequenos.

Quais são os pontos positivos e negativos dos desenhos?

É primordial que os responsáveis fiscalizem qual o tipo de programação televisiva a que os filhos estão assistindo, pois muitos desenhos, por mais que tenham uma classificação etária condizente com a idade de quem os vê, podem não apresentar um conteúdo que tão legal assim.

Existem alguns desenhos, por exemplo, que incitam a violência, o consumo desenfreado de produtos, a questão da vaidade exagerada, tirar vantagem das demais pessoas, hábitos prejudiciais à alimentação e o bullying. Muitos desses aspectos negativos podem exercer ideais ruins, e a tendência na infância é a cópia de ações tidas pelos pequenos como boas.

Por isso, é sempre recomendável que os pequeninos assistam a desenhos voltados para um lado mais pedagógico e instrutivo. Uma programação que respeite e proporcione valores positivos, com certeza, trará noções de moral, senso crítico, ética, solidariedade, amizade, amor e preservação do meio ambiente.

Outros pontos relevantes e que devem ser mencionados são a criatividade e a imaginação, que podem ser extremamente exploradas nessa fase da vida. Portanto, seria de bom tom estimular as crianças com algo que realmente vá agregar sentido e aspectos salutares em seu desenvolvimento como pessoa.

Quais são os desenhos educativos recomendados?

São inúmeros os desenhos que existem hoje no mercado de animação, por isso, os pais devem verificar as sinopses, a indicação de faixa etária e se o conteúdo é relevante para a compreensão de muitos assuntos.

Você que quer sempre o que há de melhor para suas crianças, dê uma olhada nestas 4 dicas de desenhos animados que vão ajudar, e muito, no desenvolvimento cognitivo e emocional dos pequenos:

1. Dora, a Aventureira

Um fenômeno do canal Nickelodeon e que é exibido em mais de 150 países, número expressivo para um programa que parece muito simplório para o adulto que resolve acompanhar, mas que, para a criança, será essencial.

A série mostra as aventuras da personagem Dora Márquez e ensina em diversos momentos como pronunciar palavras de outros idiomas, como inglês e espanhol. Com seu amigo Botas, Dora passa por alguns problemas e, de forma interativa com os pequenos espectadores, pede ajuda para resolver as questões propostas.

Existem pausas durante cada missão, para que as crianças respondam a Dora e que sintam realmente que estão conversando com ela durante sua jornada, ajudando-a nos seus objetivos.

2. Go, Diego, Go!

O desenho do Diego, que é primo de Dora, tem características muito próximas do desenho original e, em alguns episódios tanto do primeiro quando deste, ambos fazem participações. A questão de falar outros idiomas e a parte interativa com o público infantil são idênticas, além da trilha sonora.

O diferencial de Go, Diego, Go! para o outro é que o foco é mais na questão da fauna e de como identificar algumas espécies de animais existentes, informações preciosas sobre seu hábitat natural e orientações quanto à extinção e a importância da preservação desses seres.

Na maior parte do tempo, Diego está salvando algum animal originário da América Latina, como onças, lhamas, iguanas, entre outros. Assim como Dora, é exibido no Nick Jr. e TV Cultura.

3. Hora do Justin

Com a ajuda de seus amigos imaginários, Fofucho e Olívia, Justin faz viagens pelos seus pensamentos por épocas e regiões bem afastadas, em que todo tipo de diversão é vivenciado e, em cada episódio, uma lição de vida será ensinada para o bom convívio com o próximo.

Disponível no Netflix e no Discovery Kids, esse desenho conta com a presença de aspectos culturais de várias civilizações do passado e do presente, auxiliando o público mirim a aprender como é a vida na Índia, na Roma antiga e no Egito, por exemplo. Uma aprendizagem constante sobre pontos da ótica da geografia e, também, da história mundial.

4. Miles do Amanhã

Em uma parceria entre Google, Disney e a Nasa, o intuito desse desenho é incentivar meninas a se interessarem pelo mundo das ciências e tecnologia desde pequenas.

A personagem Loretta é uma fera em linguagem de programação e convive com seu irmão Miles, um menino que mora no espaço sideral, e a sua mãe Olívia, comandante da nave e responsável por conduzir essa família em diversas aventuras pela galáxia.

As referências a problemas vivenciados por engenheiros aeroespaciais ou da computação e várias resoluções para questões de física, familiares aos astronautas, são o ponto alto do desenho para despertar a atenção e explorar a imaginação aliada ao conhecimento.

Atualmente tem exibição nos canais fechados Disney Junior e Disney Channel e também no canal aberto SBT.

Com orientação e supervisão, o público mirim pode se divertir e ao mesmo tempo aprender diversas coisas que serão de fundamental importância no desenvolvimento do conhecimento, habilidades e atitudes que, posteriormente, serão responsáveis por formar as suas capacidades individuais.

Agora que você já sabe um pouco mais sobre a importância do desenho animado na formação infantil, compartilhe este post nas suas redes sociais e comente com outras mães sobre os desenhos preferidos dos filhos delas!

loja-virtual-vestido-infantil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

17 + cinco =